Ele veio para te salvar – A lição da mulher adúltera (parte 2)


escrevendo na areia

O dedo apontado e a escrita no chão.

Diz as Escrituras que enquanto acusavam aquela mulher, Jesus estava escrevendo no chão. Aparentemente essa escrita no chão parece ser uma atitude passiva diante de uma pena capital de morte. Parecia que Jesus não
se importava com a vida daquela mulher. Muitas pessoas acreditam que Jesus está indiferente a nossos problemas
e a nossa vida. Até então,Jesus estava escrevendo. Muitos até hoje tentam descobrir e adivinhar o que Cristo teria escrito. Mas o certo não estava naquilo que escreveu, mas no que Ele disse ao se levantar.

Disse-lhes o Senhor:

“Aquele que dentre vós estiver sem pecado, seja o primeiro que lhe atire a pedra”(Jo 8:7)

Os religiosos hipócritas tiveram que ouvir de Jesus essa admoestação e aconteceu que “ouvindo eles a resposta e acusados pela própria consciência, sairia um a um(Jo 8:9).

Quando Jesus se levantou disse a mulher: “Mulher, onde estão eles? Ninguém a condenou?”
“Ninguém, Senhor”, disse ela. Declarou Jesus: “Eu também não a condeno. Agora vá e não pequeis mais. Jesus estava dizendo : “Mulher,abandone sua vida de pecado”.(Jo 8:10-11).

Sabe, meus amigos, muitas pessoas acreditam que Deus esta indiferente aos nossos problemas, que não se importa mas quando Ele se levanta, vemos o seu poder agir.Mas quando achamos que não há saída para nossos problemas e que nossa vida está prestes a perecer, é nesse momento que nosso Deus se manifesta.Diz certa passagem que Jesus estava no barco,mas muitos achavam que Ele estava dormindo, porém quando Ele se levantou , todos puderam ver o quanto Ele tinha poder para repreender as ondas e os ventos contrários.(Mt 8:23-27). Só Ele é capaz de nos libertar do pecado ,da morte e nos dar uma nova vida. A lição de Deus nesta passagem é completa. Tantos religiosos,quanto ao povo e a própria mulher precisavam ouvir a lição do Senhor.

E aprouve ao Senhor , o justo juiz, através do espírito de sabedoria, dar o veredito derradeiro, ou seja, a palavra final. Aprendemos através desta passagem 3 coisas:

1) Devemos exercitar o perdão agindo como pessoas espirituais.

Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais, encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também tentado.
Gálatas 6:1

2) Devemos agir com a misericórdia de Deus, antes de qualquer juízo.

Tiago 2:13 diz: “Porque o juízo é sem misericórdia para com aquele que não usou de misericórdia. A misericórdia triunfa sobre o juízo”

3) Ele veio para salvar e não condenar ninguém – Não devemos temer o que pode vir, nem a própria morte, pois
nada poderá separar do seu amor , pois assim diz a palavra do Senhor:

Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.
Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós.
Romanos 8:33-34

Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. João 3:17

Jesus mesmo dizia que não veio para condenar o mundo, mas para salvar (Jo 12:47b).

Anúncios

Sobre Anderson Cássio de Oliveira

Líder do ministério Missão Com Cristo, avivalista apologético, trabalha principalmente com ensino, discipulado e serviço cristão, voltados a levar a Igreja do Senhor a um avivamento genuíno (com base nas Escrituras). Administrador do blog de missões - Chamado para as Nações.
Esse post foi publicado em artigos e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s