Exalando o bom perfume do Noivo


jesusnardo2

Enquanto o rei está assentado à sua mesa, o meu nardo exala o seu perfume.  (Cânticos 1:12)

A Bíblia é um livro repleto de salmos e cânticos maravilhosos.  Mas nada se compara a um livro em especial: Ao Cântico dos cânticos ou também conhecido como Cantares de Salomão.

Ninguém questiona quem foi seu autor, Salomão, porém o que algumas pessoas discordam é se a história existiu ou foi um mero conto do rei. Independente disso, de ser uma história literal entre Salomão e a Sunamita ou um conto entre o Rei e uma donzela apaixonada, a verdade é que cantares é o livro das Escrituras que mais descreve um relacionamento de intimidade.

Talvez este livro seja o livro que demonstra com maior clareza a intimidade que deve ter a Igreja (A Noiva) com Jesus (o Noivo) até o Encontro (nas Bodas do Cordeiro). Estamos vivendo um tempo onde precisamos como cristãos de mais intimidade com Deus.  É necessário que venhamos a nos despir da religiosidade e  do relacionamento de aparência que nos cerca e entrar profundamente na intimidade com Deus, para que vivamos segunda Sua vontade.

Havia um conhecimento por parte da donzela quem era Aquele Noivo e uma noção de “pertencimento”. (Ct 1:16;2:16). Lendo e meditando no livro de Cantares percebemos que além do relacionamento entre o Noivo e sua donzela, havia uma profunda cumplicidade entre ambos.  Não existia naquele relacionamento declarações egoístas , auto-suficientes e de amor próprio, mas um relacionamento apaixonado. recíproco e até certo ponto desesperado entre o Noivo e a donzela. Havia naquele relacionamento um “anseio”, um  tremendo desejo de “estar junto”, entre ambos.  Era vontade da Noiva, ser levada após Ele…(Ct 1:4).

Havia uma Espera pelo Noivo, pela donzela que “preparada estava” para o grande encontro. A Noiva não estava de qualquer jeito , mas formosa estava para o relacionamento com o Noivo. A Igreja de Deus, como Noiva de Cristo, precisa estar “preparada” para se “apresentar” para Ele Naquele grande dia.   Nós, como Igreja do Senhor, precisamos deixar de viver para nós mesmos e viver para fazer a vontade de Noivo.

A Igreja do Senhor, como “noiva” precisa entender de vez o “conceito de submissão”, não segundo este mundo, mas segundo a palavra de Deus. Esta submissão envolve um amor compromissado, com pureza, respeito e  sensatez.

Diz as Escrituras:

Para a apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, porém santa e sem defeito. (Ef 5:27)

Certa vez escrevi: * Será que temos adornado para o Senhor uma noiva ou uma prostituta? Foi uma palavra forte, mas a Bíblia é bem clara que  se levantará uma Linda Noiva, mas também uma Grande Meretriz (prostituta). (Apocalipse 17).

A Noiva de Cristo é apaixonada, mas a Meretriz buscara apenas satisfazer os seus prazeres e sua corrupções. Precisamos urgentemente voltar ao primeiro amor. O amor que um dia sentimos por Jesus (O Noivo). A Noiva do Senhor ( A Igreja) tem que se portar como tal. A noiva do Senhor deve saber viver  com um traje de santidade,  vivendo uma vida reta e justa diante do Noivo.

Como está escrito:

Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa se aprontou. E foi-lhe dado que se vestisse de linho fino, puro e resplandecente; porque o linho fino são as justiças dos santos. (Apocalipse 19:7-8)

Mas acima de tudo tanto a Noiva do Senhor, como seus convidados devem se alegrar com a chegada do Noivo e preparados para sua chegada.

Infelizmente há muitas pessoas que não anseiam pelo regresso de Cristo, não estando preparados para as bodas. Muitos são como aquelas 5 virgens néscias que não estavam preparadas com a chegado do Noivo. Precisamos ser como aquelas virgens prudentes que mesmo dormindo acordaram para as Bodas. (Mt 25:1-13).

Suave é o aroma dos teus ungüentos; como o ungüento derramado é o teu nome; por isso as virgens te amam. (Cânticos 1:3)

Temos que ser mais Maria e menos Marta, ou seja, mas íntimas de Deus e menos ativistas de Igreja.  Que deixemos a dissimulação da religiosidade e vivamos um relacionamento de intimidade com o Senhor.  Necessitamos ser menos previsíveis e artificiais  neste relacionamento e mais espontâneas e naturais em nossa atitude de adoração ao Noivo.

Que possamos ser uma Igreja (Noiva) que vive a intimidade com Deus e não somente fala disso. Ser uma Noiva preparada e Santa.

Como aquela mulher pecadora que entendeu que necessitava ser restaurada (mesmo sendo imperfeita) carecemos de nos quebrantar diante Dele (Lc 7:38). Precisamos regar os pés de Jesus com nossa contrição e enxugar com nossa disposição de ser servos.. misturando o corpo do Noivo com o nosso e assim exalar o seu perfume sobre toda a casa
( Jo 12:3).

Pois foi para isso que fomos chamados para ser Noiva Dele e com isso exalar o seu bom perfume aonde formos (2 Cor 2:15).

Anúncios

Sobre Anderson Cássio de Oliveira

Líder do ministério Missão Com Cristo, avivalista apologético, trabalha principalmente com ensino, discipulado e serviço cristão, voltados a levar a Igreja do Senhor a um avivamento genuíno (com base nas Escrituras). Administrador do blog de missões - Chamado para as Nações.
Esse post foi publicado em artigos e marcado , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Exalando o bom perfume do Noivo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s