Indo mais fundo em Deus (parte 2)


arvore1
Disse Jesus:
Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim. Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.
(João 15:4-5)
Assim como a raiz está na profundidade da planta, se estivermos na profundidade do conhecimento de Deus frutificaremos muito, dando fruto, um a trinta, outro a sessenta, outro a cem, por um. (Marcos 4:20)

Porém se não estivermos na “profundidade”, mas apenas na “superficialidade” em Deus a consequência disso é tenebrosa. Diz a palavra do Senhor:
Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem. João 15:6

É claro que essa “profundidade” com Deus não virá da noite para o dia, mas de uma constante e diária intimidade com Deus através da oração, da leitura da Sua palavra, de atos de fé e obediência a Deus. A intimidade não virá somente para aquele que tem vontade, mas daquele que teme a Deus.

Como diz a palavra de Deus.
A intimidade é para aqueles que o temem, aos quais Ele fará conhecer Sua aliança (Sl 25.14).

Devemos entender que essa intimidade só virá se enxergamos nossa condição espiritual com mais clareza, e enxergamos espiritualmente se estamos ou não dando fruto, pois assim diz a palavra de Deus:

Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.( João 15:2).

Aquele que consegue enxergar sua situação e busca ser “podado” por Deus, esse está pronto para dar fruto. Muitos cristãos não amadureceram ainda, por que ainda não deixaram Deus trabalhar em suas vidas, tirando tudo aquilo que é excesso e que os impede de crescer.

É preferível estar Nele, cheio de imperfeições, mas reconhecendo seus excessos, pronto para ser limpo e frutificar do que “se achar” que está pronto, que já frutificou tudo em Deus, mas no final nas trevas ser jogado.

“Se abrirmos nosso coração para o Senhor deixando que Sua verdade e Sua vontade invada toda nossa vida, estamos em profundidade com Deus, porém se endurecemos nosso coração para verdade que nos confronta e acreditamos na mentira que nos conforta vivemos em religiosidade.  É melhor a verdade que confronta do que a mentira que conforta!”

Só iremos mais fundo com Deus se nos submetermos a Ele, ou seja, nos colocarmos abaixo Dele, para que no tempo certo Ele venha a nos exaltar. (1 Pe 5:5-6)

Jesus disse que aquele que se exalta será humilhado. E aquele que se humilha será exaltado. (Mt 23:12). É necessário para o servo de Deus ter um coração quebrantado e contrito, pois esse o Senhor não desprezará (Sl 51:17). Pois é nesse lugar que o Senhor habita (Is 57:15).

Aquele que sente sua condição espiritual, ou seja, que sente as suas misérias, que lamenta e chora buscando ser melhor em Deus este será recompensado.
E aquele que se humilha, se arrepende e se quebranta diante de Deus, este será exaltado. (Tg 4:10)

São as lágrimas do verdadeiro adorador que regam a semente, ou seja, a palavra enxertada em nosso coração. (Tg 1:21b). E são elas que fortificam as nossas raízes em Deus.

A palavra diz que aqueles que semeiam em lágrimas segarão com alegria. E aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo seus molhos. (Sl 126:5-6).

E são estes que frutificarão e irão mais profundo em Deus.
E só assim podemos declarar como o profeta Zacarias:

“A semente prosperará, a vide dará o seu fruto, e a terra dará a sua novidade; e os céus darão o seu orvalho, e farei que o resto deste povo herde tudo” (Zc 8:12).

Lembrem-se que o Senhor conhece nosso coração e nos sonda.  Creio que a Sua revelação em nossa vida será proporcional a intensidade da nossa busca por Ele.
Como diz as Escrituras:

Mas Deus no-lo revelou pelo Espírito; porque o Espírito a todas as coisas perscruta, até mesmas as profundezas de Deus (1 Cor 2:10)

Quanto mais o conheçamos e prossigamos em conhecer, mas profundo em Deus seremos.

Vinde, e tornemos ao SENHOR, porque ele despedaçou, e nos sarará; feriu, e nos atará a ferida. Depois de dois dias nos dará a vida; ao terceiro dia nos ressuscitará, e viveremos diante dele. Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra.
(Oséias 6:1-3)

 

Anúncios

Sobre Anderson Cássio de Oliveira

Líder do ministério Missão Com Cristo, avivalista apologético, trabalha principalmente com ensino, discipulado e serviço cristão, voltados a levar a Igreja do Senhor a um avivamento genuíno (com base nas Escrituras). Administrador do blog de missões - Chamado para as Nações.
Esse post foi publicado em artigos, Estudos Bíblicos e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s